in

Globo perde mais uma para Silvio Santos e o direito da Champions League vai para o SBT

O SBT assinou nesta terça-feira (6) a compra dos direitos exclusivos de transmissão da Champions League em TV aberta pelas próximas três temporadas. Silvio Santos esteve à frente das negociações da emissora com a Uefa e a agência Team e venceu a disputa com a Globo, que também fez propostas pela competição de clubes mais importante do futebol europeu.

O comunicado com a confirmação do acordo foi obtido em primeira mão pelo Notícias da TV, e a informação sobre a assinatura do contrato, que aconteceu nesta manhã, foi revelada ao público por Téo Joséna edição do SBT Brasil desta terça.

“A maior competição do mundo com o jeito SBT. Você vai ver os maiores times, como Barcelona, Real Madrid, Bayern de Munique, Manchester City, United e PSG. As maiores feras do planeta, como Cristiano Ronaldo, Messi, Neymar e muito mais. O SBT, a partir de agosto, passa a ter a maior competição de clubes do nosso continente [Libertadores] e a maior competição de clubes da Europa”, avisou o narrador.

O SBT vai transmitir os jogos a partir da fase de grupos nas três próximas edições do torneio, de 2021/2022 a 2023/2024, começando em agosto deste ano, mês em que a emissora completa 40 anos. A rede de Silvio Santos também poderá escolher as principais partidas para mostrar na fase de mata-mata. Ao todo, serão 15 duelos por temporada na TV aberta.

“É o retorno das transmissões em televisão aberta desse torneio tão importante, que reúne os maiores astros do futebol mundial, com jogos emocionantes, disputados e com alta qualidade de produção”, diz o comunicado do SBT.

A volta da Champions League à TV abertabrasileira acontece depois de três anos. Desde 2018, quando a Globo saiu de cena, os fãs da Liga dos Campeões só podem assistir aos jogos no Brasil na TNT e no Space na TV paga, que continuam com as transmissões no novo contrato, e em plataformas digitais, como o Facebook –que, desta vez, não participou da concorrência e deixará de mostrar as partidas ao fim da atual temporada.

Confira abaixo o anúncio feito por Téo José:

Silvio Santos foi um dos maiores entusiastas da compra da Champions League pelo SBT. Partiu dele o lance financeiro que seduziu a Uefa, o qual a Globo se recusou a cobrir.

A avaliação é que o evento, como já ocorreu com a Libertadores, tem potencial para reforçar a imagem esportiva da rede junto ao público e pode turbinar a audiência em tardes de grandes jogos. Em 2017, por exemplo, a Band chegou a registrar picos de 11 pontos em duelos com Neymar em campo pelo Paris Saint-Germain.

“A chegada da Champions League reforça nossa crença no futebol como sendo o esporte mais popular de nosso país com total sinergia ao perfil do SBT, que continuará investindo na estratégia de consolidar esse gênero em sua programação, levando sempre os melhores campeonatos para nossas telas, com a missão e o compromisso de atender às expectativas dos espectadores e do mercado publicitário”, reforça o SBT, em nota.

No ano passado, a emissora de Silvio Santos reforçou a programação esportiva com a aquisição dos direitos de transmissão da Libertadores da América, com a qual obteve bons índices de audiência, e o ressurgimento do Arena SBT, programa no formato mesa-redonda sobre futebol apresentado por Benjamin Back.

  • Terra Brasil Noticias

‘Ninguém manda no presidente’

URGENTE! André Mendonça pressiona STF e pergunta se a Corte ‘rasgou a Constituição’